26/06/2017 | 11:00

INVESTIGAÇÕES: PT quer descobrir mandantes dos grampos em MT

pt3

Da Redação

O novo Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores de Mato Grosso (PT-MT), reunido em Cuiabá no sábado (24.06), aprovou uma Resolução Política, em que reafirma a mais vigorosa Oposição do Partido e de sua bancada na Assembleia Legislativa, ao governo de Pedro Taques (PSDB).

Na resolução, o PT aponta as mazelas de um governo que se vendeu para a população na campanha de 2014 como paladino da moralidade, mas que já no segundo ano de governo foi pego em corrupção na Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT).

O PT destaca ainda a ‘Grampolândia’ ilegal e inconstitucional, que levou para a cadeia o secretário-chefe da Casa Militar, Evandro Ferraz Lesco e demais integrantes do alto escalão da Polícia Militar. O PT-MT defende o aprofundamento das investigação para se chegar aos mandantes dos grampos.

O Partido também faz um balanço de suas ações à frente da Seduc-MT, entre 2007 e 2014, das ações dos governos Lula e Dilma e se posiciona em luta contra o governo golpista de Temer.

Os comentários estão encerrados.