05/10/2017 | 11:56

STJ deve pedir afastamento do governador Pedro Taques

A informação é de que o coronel Evandro Lesco entregou o verdadeiro comandante da ‘grampolândia’ em MT

MUVUCA POPULAR

O supremo Tribunal de Justiça (STJ), deve pedir o afastamento do governador Pedro Taques nas próximas horas, ou dias. A decisão deve ser embasada no depoimento do Coronel Evandro Lesco, que segundo fontes do MPopular, acabou revelando tudo à PJC/MT, na tarde desta quarta (04).

A justiça, que já havia determinado o afastamento de parte do secretariado, e alguns inclusive sendo presos, vai mandar agora afastar o governador de Mato Grosso, que de acordo com Lesco, foi o grande comandante da central de escutas clandestinas que tinha primeiramente como alvos seus desafetos políticos.

A rede, no entanto, cresceu, e segundo o desembargador Orlando Perry, que está à frente do caso, chegou a grampear 7 mil pessoas em todo o estado de Mato Grosso.

Entre os alvos das escutas clandestinas estão o jornalista José Marcondes Muvuca, que faz oposição ao governo e foi grampeado por dois anos ininterruptos, a deputada Janaina Riva que faz oposição ao governo na Assembleia Legislativa, o advogado José Patrocínio que fazia a defesa dos adversários políticos do governador, e a amante de seu primo, o ex-secretário da Casa Civil Paulo Taques, que também se encontra preso.

A informação sobre o afastamento de Pedro Taques deverá ser confirmada a qualquer momento.

Os comentários estão encerrados.

Partido dos Trabalhadores – Diretório Estadual – Mato Grosso

Endereço: Rua São Benedito, 306
Bairro: Lixeira – Cuiabá/MT – 78008-405
(65) 2136-6013 / comunicacao@ptmt.com.br